O que fazer no frio na Nova Zelândia?

Posted by Mary Rocha on 14 June 2017 | 0 Comments

Tags:

Quem disse que frio na Nova Zelândia tem que ser sinônimo de ficar em casa ou no hotel, do lado do aquecedor, reclamando que não consegue se esquentar? Que tal, entrar no espírito outdoor dos neozelandeses e explorar as diversas montanhas e estações de esqui que o país oferece?

Se você nunca esquiou ou fez snowboarding, minha sugestão é: faça! Soa um pouco imperativo, porém este esporte de inverno que é tão comum na Nova Zelândia durante os meses de Junho à Outubro, realmente é uma experiência única para você que está estudando, visitando ou morando no país. Em poucos lugares do mundo é possivel estar no topo de uma montanha nevada e avistar o mar ou lagos azuis de tirar o fôlego! Se você é surfista por exemplo, em qual lugar do mundo você pode literalmente esquiar pela manhã e ir surfar à tarde? Isto mostra a tamanha e incrível proximidade dos opostos.

 

"O silêncio daquela enorme massa branca que está ali imponente, mostrando sua beleza majestosa é de arrepiar - especialmente quando você senta no chamado lift, que são os teleféricos que te levam para as partes mais altas das montanhas. E o melhor de tudo é que, além do cenário fantástico que o lugar proporciona, você tem a possibilidade de se divertir à beça!

Ainda na nota do surf, sempre digo que o prazer de esquiar/snowboarding pode ser comparado com o prazer de surfar. No surf, você é um ser pequenininho, desbravando aquela gigante massa de água. No esqui, a sensação é a mesma, a diferença é que você está numa prancha, deslizando sobre a neve."

 

ONDE ESQUIAR NA NZ

 

Existem opções para esquiar tanto na Ilha Norte, como Ilha do Sul do país. Na Ilha Norte, as estações estão concentradas em Mt Ruapehu, que fica na parte central da ilha, cerca de 4 horas da principal cidade da Ilha Norte, Auckland.

Já na Ilha Sul, há diversas alternativas para você testar os seus dotes. Em Christchurch, principal cidade da Ilha Sul, você conta com Mt. Hutt, que é a maior estação de esqui - e a mais equipada. Mt Hutt está a apenas 90 minutos de carro da cidade e oferece restaurante, creches e escolinhas de ski/snowboard para crianças, além de verticais para iniciantes, intermediários e os mais avançados.

Para quem já está mais familiarizado com o esporte e quer adicionar um pouquinho de adrenalina no cardápio, poderá fazer o heliskiing, heli-táxi que lhe deixa em partes mais inóspitas da montanha, em que você desfrutará de magníficas vistas sobre as planícies da região.

Além de Mt. Hutt, há outras estações menores, todas elas localizadas a menos de 1 hora e meia dirigindo. Você pode ir pela manhã e voltar para casa ou hotel, no mesmo dia. Ainda na região de Christchurch e Canterbury, estações menores como Hanmer Springs e Mt Lyford são excelentes opções para quem gosta de combinar atividades. Esqui num dia e banho quente em piscinas de águas térmicas no outro? Ou avistar baleias, focas e golfinhos? Ou se preferir, poderá se misturar com os locais nas estações menores como Cheeseman, Porters Olympus (que tem uma deliciosa jacuzzi no topo da montanha nevada), Mt Dobson e Craigieburn.

Apesar das diversas estações na região de Canterbury, a “menina dos olhos” da Nova Zelândia ainda é Queenstown, meca dos esportes radicais (e do famoso Nevis Bungee Jump de 134 metros de altura) e coração de uma das maiores regiões de esqui do país. Muitas competições acontecem aqui, inclusive o Festival de Inverno que atrai gente do mundo inteiro, querendo baladação, esqui, músicas, eventos e gente bonita. Em certos momentos da temporada, você também pode esquiar até à noite! As principais estações de snowboarding / esqui na região são: Coronet Peak, The Remarkables, Treble Cone e Cardrona. Cardrona fica entre as cidades Queenstown e a vizinha Wanaka e é a maior estação de esqui do hemisfério sul.

 

COMO RESERVAR TOURS DE ESQUI OU SNOWBOARDING?

 

Você tem a opção de subir a montanha por conta própria de carro, e organizar tudo na montanha. Ou, se é a sua primeira vez ou você quer tranquilidade, poderá contratar tours que oferecem transportes de ida e volta de ônibus, passe para montanha, equipamento completo e lições - e em alguns casos, como na Ilha Norte, acomodações na região. Converse com a NZEGA aqui

Portanto, independente de onde escolher, pode acreditar que é diversão garantida! Como mencionei, existem aulas de esqui na montanha para quem nunca experimentou ou viu a neve. Portanto, não pense que esquiar é somente para quem é radical ou quem nasceu em países nevados. Nós, meros mortais, sejamos jovens ou seniores, também podemos curtir o momento! E certamente, mostrar que há muita coisa para fazer no país, até mesmo num frio congelante. Basta vestir a camisa da disposição.

Se tiver interesse em ver algumas imagens, fiz um pequeno video mostrando um pouquinho de algumas estações mencionadas. Clique na imagem abaixo para assistir o vídeo.

 

Mary Rocha - Fundadora NZEGA



Post your comment

Comments

No one has commented on this page yet.

RSS feed for comments on this page | RSS feed for all comments